Teclar demais com os polegares pode causar inflamação

0
205

“Síndrome do torpedo”. Esse é o nome criado nos EUA há alguns anos para definir os problemas causados nos polegares por conta da utilização exagerada do teclado do celular. O número de pacientes com inflamação nesses dedos estaria aumentando cada vez mais, segundo reportou na semana passada um hospital de Israel, o Kaplan.

O médico Amir Oren, do departamento cirúrgico da instituição, chegou a mencionar a necessidade de cirurgia em casos não tratados a tempo. A intervenção teria a função de substituir a articulação. Entretanto, o reumatologista Milton Helfenstein, presidente da Comissão de Reumatologia Ocupacional da Sociedade Brasileira de Reumatologia (SBR), acha exageradas as afirmações vindas de Israel. “Nunca vi nenhum caso de lesão por causa do uso de polegares em celular, embora admita que possa ocorrer inflamação tendínea com a utilização excessiva”, diz.

Ou seja, para ele é um exagero dizer que teclar demais no celular produz danos à articulação. “Com o esforço biomecânico, pode acontecer uma tendinite, por exemplo, mas que será revertida se a sobrecarga for retirada, ou seja, se a pessoa parar de usar os polegares no celular por algum tempo”, defende Helfenstein, acrescentando que existe tratamento com medicamentos e fisioterapia, cujos resultados são rápidos. É possível que, com a volta do uso intenso dos polegares, reapareça a inflamação tendínea. “Mas, nesse caso, a pessoa tem de optar pelo bom senso, evitando exageros ao celular e utilizando outros dedos, já que ela pode ter predisposição à inflamação”.

E essa predisposição é maior ou menor, dependendo de cada indivíduo. “Há quem use os polegares intensamente e não desenvolva nenhum problema”, observa o reumatologista. Aliás, Helfenstein explica que os polegares são os dedos mais resistentes e potentes da mão – “tanto quanto os outros quatro juntos” –, o que significa que não é com frequência que se lesionam, mesmo com o uso intenso deles.

O fato é que o presidente da Comissão de Reumatologia Ocupacional da SBR não concorda que os teclados de celulares sejam os grandes “vilões dos polegares”, como definiu a notícia do hospital israelense: “Desconheço caso em que houve a declarada lesão da cartilagem da articulação da base do polegar em decorrência da utilização de celular e a declarada necessidade de cirurgia de substituição da articulação, que não é nem mesmo realizada no Brasil”.